Reflexão do dia 18 de Janeiro

uma bebida ajudaria

Voltando atrás em nossas próprias histórias de bebida, nós poderíamos mostrar que, anos antes de perceber, estávamos fora de controle, que nossa maneira de beber, mesmo naquela época, não era apenas um hábito, mas era de fato o início da progressão fatal.

OS DOZE PASSOS E AS DOZE TRADIÇÕES PG. 19

Quando eu ainda estava bebendo, não podia responder a qualquer situação da vida como podiam outras pessoas mais saudáveis. O menor incidente desencadeava um estado de espírito que, acredite, eu tinha que beber para entorpecer meus sentimentos. Mas o entorpecimento não melhorava a situação, então procurava uma saída na garrafa. Hoje preciso estar consciente do meu alcoolismo. Não posso me permitir acreditar que ganhei o controle sobre minha maneira de beber - ou novamente pensarei que ganhei o controle sobre minha vida, Tal sentimento de controle é fatal à minha recuperação.